SEGURANÇA

Criticando o trabalho da Polícia

Na região de Piracicaba, denúncias relacionadas à má qualidade no atendimento e solicitações de policiamento predominaram no serviço da Ouvidoria. O telefone da ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo é: 0800 177 070. O atendimento é de segunda a sexta, das 9h às 17h.

Edição 150 - Maio 2014

Foto:Marcel Menconi/JPR
Palestra na Câmara de Vereadores do Dr. Júlio César Fernandes Neves, ouvidor da Polícia do Estado de São Paulo (segundo a esquerda )
Dr. Júlio César Fernandes Neves, ouvidor da Polícia do Estado de São Paulo, esteve em Limeira, dia 24 de abril, para uma palestra na Câmara de Vereadores em evento organizado pela Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de Limeira, cujo presidente da comissão organizadora da atividade é o vereador Wilson Cerqueira (PT). Dr. Júlio César explanou sobre o papel que representa a ouvidoria das Polícias Militar, Civil e Científica do Estado de São Paulo para os cidadãos que fazem denuncias, reclamações e representações sobre atos considerados indecorosos e desonestos, individuais ou coletivos praticados por servidores civis ou militares da Secretaria de Segurança Pública do Estado. Apesar de ter assumiu o posto de ouvidor em dezembro, Dr. Júlio César disse estar envolvido com a ouvidoria há 18 anos..
autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
Durante a palestra, Dr. Júlio César contou sobre o surgimento da ouvidoria no Brasil e como chegou ao cargo, garantindo que é fundamental para quem ocupa a função, não seja ligado a nenhum partido, para ter uma visão suprapartidária. O departamento da ouvidoria da Polícia conta, além do ouvidor, com cinco assessores e dez assistentes. Ele também revelou que há interesse em mais divulgação do órgão no interior paulista, para que os cidadãos conheçam o trabalho e possa chegar até a ouvidoria críticas e sugestões. “A ouvidoria está lá para ser porta-voz da sociedade e colaborar com a luta pela cidadania, lembrando que quem investiga denúncias é a corregedoria da Polícia”, observou.
autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
Atualmente a ouvidoria é acionada por dia, cerca de 30 vezes. “Tudo que acontecer na atividade policial, dentro das agencias policiais o ouvidor tem competência para fazer qualquer tipo de provocação. Em nossos atendimentos não são só reclamações, mas sugestões para os trabalhos das Polícias que em muitos casos resultam em melhorias à sociedade”, completou.
autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
Wilson Cerqueira considerou importante a palestra do Dr. Júlio César e destacou o trabalho da comissão que preside. “A comissão tem se reunido de forma ativa, discutindo diversos assuntos que são levados pela população ao Legislativo. A discussão com a presença do ouvidor explicou o importante papel da ouvidoria, que é o elo, em muitos casos, estabelecido entre o cidadão e o Estado”, afirmou. Para o presidente da Câmara, Ronei Martins (PT), que enfatizou a criação da ouvidoria na Câmara há alguns meses, “essa ação diminui a distância que existe entre as pessoas que precisam dos trabalhos do Estado e o agente que atua no Estado”.
autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
O total das denúncias recebidas pela ouvidoria em 2012 foi de 288, no ano de 2013 esse número subiu para 373 chamadas.
Da cidade de Limeira especificamente, no ano de 2013, foram 28 denuncia à ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo sendo alertada nos itens: Infração Disciplinar (8 vezes), Comunicação de Crime (3 vezes), Má Qualidade no Atendimento (3 vezes), Morosidade no Andamento de Polícia Judiciária (3 vezes), Solicitação de Intervenção em Ponto de Drogas (3 vezes), Solicitação de Policiamento (2 vezes) Reclamação Contra Superior Hierárquico (2 vezes). Abuso de Autoridade (1 vez), Ameaça, Peculato (desvio) (1 vez), e Prevaricação (1 vez).
autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
Foto:Marcel Menconi/JPR
Palestra do Dr. Júlio César Fernandes Neves, ouvidor da Polícia do Estado de São Paulo
Veja o número das denúncias mais recorrentes no Deinter-9 (região que inclui Limeira), em 2013, divulgado pelo ouvidor:

Má qualidade no Atendimento: 62
Solicitação de Policiamento: 55
Solicitação de Intervenção em Ponto de Drogas: 49
Infração Disciplinar: 39
Reclamação Contra Superior Hierárquico: 21
Comunicação de Crime: 20
Prevaricação: 19
Homicídio: 16
Morosidade no Andamento de Polícia Judiciária: 12
Abuso de Autoridade (outros): 9
Abuso de Autoridade (agressão): 8
Abordagem com Excesso: 7
Ameaça: 6
Concussão: 6
Corrupção Passiva: 6
Peculato (desvio): 6
Privilégio (benefício indevido em escala): 5

Na região de Piracicaba, denúncias relacionadas à má qualidade no atendimento e solicitações de policiamento predominaram no serviço da Ouvidoria em 2013. O telefone da ouvidoria é: 0800 177 070

Dados foram divulgados pelo ouvidor da polícia do Estado, Dr. Júlio César Fernandes Neves, que assumiu o posto no mês de dezembro de 2013.
autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
© 2013 - Jornal Pires Rural