PESQUISA AGRÍCOLA

Vivendo sobre a terra - Uma história agrícola

O foco é a agricultura, com a exposição de novas tecnologias para tornar a agricultura mais eficiente e ambientalmente amigável. É um passeio que tem cerca de 25 minutos de duração. Existem cinco áreas distintas do "laboratório vivo”, Tropics Greenhouse, Aquacell, Temperate Greenhouse, String Greenhouse e Creative Greenhouse, são ambientes de estufas que ajudam nas pesquisas com plantas de todo o planeta.

Edição 194 | Limeira, Fevereiro de 2017 | Ano XII

Pavilhão “The Land” no Epcot Center

Pavilhão “The Land” no Epcot Center, parque da Disney, na cidade de Orlando, na Flórida, Estados Unidos


Um dos passeios não-Disney enquanto se está na Disney, é o "Living with the Land Ride", atração do pavilhão “The Land” no Epcot Center. É um passeio lento de barco que mescla uma parte escura e outra pela parte interna da estufa de plantas. O foco da viagem é sobre a agricultura, com a exposição de novas tecnologias para tornar a agricultura mais eficiente e ambientalmente amigável. Tem cerca de 25 minutos de duração. É algo bem educacional e ainda, você pode completar seu conhecimento pelos bastidores do laboratório de biotecnologia e pelas plantas cultivadas através do “Behind the Seeds", um outro passeio, pago a parte, acompanhado por um estagiário, que te guiará pelas áreas cultivadas, explicando cada detalhe, durante uma hora e meia.

O passeio lento de barco

O passeio lento de barco mescla parte em cenários produzidos e outra parte pela estufa de plantas

Algumas das figuras que decoram a seção uma típica fazenda norte-americana.


A parte do passeio de barco começa numa floresta escura, em meio a uma tempestade, ilustrando como as forças da natureza, que deram forma à terra, podem parecer assustadoras. O barco navega então, através de biomas artificiais como uma floresta húmida tropical, um deserto e a pradaria típica dos Estados Unidos. Algumas das figuras que decoram esta seção foram originalmente criadas para uma atração nunca construída, em outro parque da Disney, o Magic Kingdom. A atração teria o nome de "Western River Expedition". No passeio você pode sentir, passando pelos biomas, através de sons e efeitos de iluminação, vento e névoa, além de calor, para simular as condições reais dos sistemas ecológicos. Os barcos flutuam através de uma pequena gruta que ilustra a relação entre os seres humanos e o meio ambiente, mostrando como o homem interage com a terra, vindo a modificá-la para melhor servir os nossos propósitos.

Para completar seu conhecimento pelos bastidores do laboratório de biotecnologia e pelas plantas cultivadas através do “Behind the Seeds"

Para completar seu conhecimento pelos bastidores do laboratório de biotecnologia e pelas plantas cultivadas siga pela atração chamada “Behind the Seeds"

Para aprender mais sobre hidroponia, técnicas agrícolas, controles de pragas


A segunda parte da atração ocorre no "Living Laboratory (laboratório vivo)“, que é a parte da estufa de vidro triangular, onde são apresentadas ideias sobre o futuro da agricultura. As plantas nesta seção são cultivadas através de vários métodos de hidroponia. Algumas plantas também são cultivadas em areia, substrato perlita, fibra de coco e rockwool (lã de rocha).

Abóbora fluted pumpkin

Abóbora Nigeriana


Existem cinco áreas distintas do "laboratório vivo", que são: Tropics Greenhouse, Aquacell, Temperate Greenhouse, String Greenhouse e a Creative Greenhouse. A Tropics Greenhouse - Essa estufa apresenta culturas das áreas tropicais do mundo, incluindo alimentos familiares e exóticos. Plantas em exibição incluem banana, cacau, jaca, palmito, pitaya, baunilha, fruta-pão, abacaxi e mamão.
Aquacell - Esta seção se concentra na aquicultura, ou "piscicultura". Ela inclui vários tanques de alta densidade e alguns tanques de exibição de baixa densidade e tubos. Animais em exposição incluem tilápia, robalo, peixe-gato, esturjão e camarão. Alguns dos peixes cultivados no Aquacell são servidos no Restaurante Coral Reef.
Temperate Greenhouse (Estufa temperada) - Atualmente, a estufa temperada apresenta grandes culturas, tais como as espécies de abóboras gigantes (Prizewinner e Atlantic Giant), melão de inverno, pomelo, e "Nine-pound Lemon” (espécie de limão rugoso de 4 quilos). inclue outras culturas como girassol, beterraba, nabo, algodão, milheto e cassabanana (da família do pepino conhecido como melão caboclo no Brasil). Autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
Árvore de tomate

A famosa “árvore de tomate”, que produziu mais de 32 mil tomates em um período de 16 meses.

String Greenhouse (anteriormente era estufa de produção) - Esta estufa foca técnicas inovadoras de alta densidade, como a técnica de filme de nutrientes. Também mostra as "técnicas de crescimento vertical", nas quais as plantas são cultivadas em treliças especiais que fazem as plantas herbáceas se aproximarem da forma e estrutura de uma árvore. Um dos exemplos mais famosos dessas árvores é a "árvore de tomate", que produziu mais de 32 mil tomates em um período de 16 meses. Foi reconhecido pelo Guinness World Records como a maior e mais produtiva planta de tomate do mundo. Outras culturas incluem berinjela, pimentão, vagem, alface e quiabo de metro. Além disso, pepinos e abóboras são cultivadas na forma de Mickey Mouse através do uso de moldes especiais. Grande parte dos produtos cultivados na Greenhouse String são usados no The Garden Grill e Sunshine Seasons, ambos restaurantes do pavilhão The Land. No total, mais de 30 toneladas desses produtos são colhidos a cada ano.

PANCs - Plantas alimentícias não convencionais

Plantação vertical


Creative Greenhouse (Estufa criativa) - A estufa final da atração mostra algumas ideias incomuns sobre o futuro da agricultura. A maioria das plantas da Creative Greenhouse são cultivadas via “Aeroponics", em que uma névoa fina de água e nutrientes são pulverizados diretamente sobre as raízes das plantas. As raízes balançam livremente no ar, e não são impedidas por nenhum meio de crescimento. Algumas das raízes das plantas estão abrigadas dentro de colunas giratórias e estruturas em A-frame, enquanto outras estão completamente expostas ao ar livre, pelo menos temporariamente, para que todas as plantas possam ser vistas pelos convidados no passeio de barco. A Creative House também apresenta uma pequena exibição de cultivo hidropônico da NASA, que foram desenvolvidas para uso em viagens espaciais de longa duração. As colheitas no mostruário incluem o tomate, a abóbora, a alface, o manjericão, o alecrim, o repolho, o trigo do super-anão (Triticum aestivum L.), a acelga suíça, a calêndula e boca-de-leão.

Aquaponia integrada

Laboratório de Biotecnologia da USDA

Autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
Além disso, o Living Laboratory (laboratório vivo) contém um Laboratório de Biotecnologia sendo um ambiente de pesquisa estéril. Vários cientistas da USDA (United States Department of Agriculture - departamento de agricultura dos Estados Unidos) estão no local, realizando pesquisas sobre melhoramento de culturas. Tem o Laboratório Integrado de Manejo de Pragas - um laboratório de Entomologia que estuda insetos benéficos para uso em toda a propriedade da Walt Disney World. Não é visível pelo passeio de barco, mas é visitado durante a Behind the Seeds. Os insetos pesquisados incluem minúsculos caramujos, vespas sem ferrão, parasitas e joaninhas. O passeio de barco conclui com uma fotomontagem iluminada de pessoas e produtos de todo o mundo, juntamente com uma projeção da Terra vista a partir do espaço. Autorizada a reprodução desde que citada a fonte: Jornal Pires Rural - Limeira - www.dospires.com.br
© 2013 - Jornal Pires Rural